Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

19
Nov19

Gerar humanidade


Pedro Azevedo

Grande gesto de Jorge Fonseca! Na sequência do título europeu de judo conquistado pelo Sporting no pretérito Domingo em Odivelas, Jorge Fonseca chamou para o seu lado, no momento da consagração, Teresa Santos, de 13 anos de idade. A história de vida da menina, atleta do Judo Clube da Marinha Grande e institucionalizada pelo Centro de Acolhimento Temporário Infantil Girassol da mesma cidade, tornou-se do conhecimento do nosso campeão mundial aquando de um treino/convívio que assinalou o Dia Mundial do Judo realizado na capital do vidro. Sensibilizado pela sua luta constante, Jorge considerou Teresa uma inspiração de vida e ofereceu-lhe a medalha de campeão europeu por equipas, algo que a menina garantiu jamais ir esquecer na vida. Adicionalmente, o judoca do Sporting manifestou a intenção de apadrinhar o percurso desportivo da jovem. Com esta atitude, Jorge Fonseca provou não ser apenas um campeão dos tatamis, mas também um campeão da vida, um homem solidário, atento, com um grande coração e o sentido de cidadania de não só chamar a atenção para um problema social que afecta milhares de crianças/adolescentes em Portugal como também de ele próprio fazer a diferença. Uma sublime forma de gerar humanidade! Parabéns Jorge e as maiores felicidades para a pequena Teresa.

jorgefonsecajudo1.jpg

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Azevedo 20.11.2019

    O que acabou de fazer foi o aproveitamento de um grande gesto de um enorme atleta para fins políticos, desvalorizando assim o próprio gesto de Jorge Fonseca. Em Portugal devemos aprender de uma vez por todas que os elogios não têm de ser contra ninguém, se não não são elogios. Jorge Fonseca teve uma atitude humana fantástica e isso é que merece relevo. Sem ‘sés’ nem ‘mas’. Há um tempo para a crítica assente em factos concretos que não deve ser confundido com o que este Post trata.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Mais sobre mim

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mensagens

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D

    Castigo Máximo

    De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

    Siga-nos no Facebook

    Castigo Máximo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Boa noite Pedro:Mais um post assertivo, como usual...

    • Pedro Azevedo

      Anime-se. Há vida para além do défice. Há é que lu...

    • Pedro Azevedo

      Não tem de agradecer. Tenho opinião formada sobre ...

    • Pedro Azevedo

      Não. Para já saiu uma notícia pequena pescada nas ...

    • Verde Protector

      Muitíssimo obrigado, Pedro Azevedo, pelas resposta...