Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

25
Jan19

G(h)anas de perceber isto...


Pedro Azevedo

Lumor deu nas vistas no Portimonense e assinou pelo Sporting quando já tinha um pé no PSV Eindhoven. Ainda jovem (22 anos), já conta com 9 internacionalizações pela selecção do Ghana e uma experiência na 2.Bundesliga, onde foi treinado pelo ex-treinador portista (e actual campeão chinês) Vitor Pereira. 

Borja vai fazer 26 anos (Fevereiro) e rubricou contrato com o Sporting, proveniente dos mexicanos do Toluca. Internacional colombiano por duas vezes, jogou anteriormente nos nativos Cortuluá e Independiente Santa Fé. 

Em suma, trocámos um jogador mais jovem (emprestado com opção de compra - não divulgada - ao Goztepe, da Turquia), já adaptado ao futebol europeu e com um número de internacionalizações interessante por uma das melhores selecções de África (históricamente, terceira na CAN), por um colombiano (mais velho) que jogava no México, não tem experiência europeia e que só recentemente (4 meses) chegou a internacional por uma boa selecção da América Latina (sétima em palmarés na Copa América). 

É difícil perceber estas opções, bem como compreender porque é que a Lumor foram dadas tão poucas oportunidades por JJ, Peseiro ou Keizer. Vi-o jogar na pré-época e, mais tarde, contra o Santa Clara, no tempo em que Tiago Fernandes foi treinador interino, e não desgostei. É um jogador rapidíssimo, de boa técnica e passada larga, ideal para uma equipa com pretensões e que jogue em bloco alto (recupera bem, dobra por dentro as transições adversárias e controla a profundidade). Terá de melhorar o aspecto de fechar por dentro quando em postura defensiva, mas isso virá com as rotinas de jogo.

O pior de tudo isto é depreender que a saída de Acuña deverá estar iminente. A acontecer, perderemos um jogador daqueles que ajuda a ganhar campeonatos. Quanto à nossa acção no mercado de Inverno, creio que continuamos a acumular stocks. Exemplos: Gauld vai emprestado para o Hibernian (Escócia), comprámos mais um Matheus; Lumor vai emprestado para a Turquia, vem Borja (se Acuña não sair, o que vai acontecer a Jefferson?); Geraldes ainda não foi utilizado e vamos ver as oportunidades que Idrissa Doumbia virá a ter, ele que tem a "concorrência" de Gudelj e Petrovic. Entretanto, os jornais dizem que queremos mais um avançado (mesmo após aquisição de Luíz Phellype). Andamos nisto há anos...

lumor.jpg

borja.jpg

5 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Azevedo 25.01.2019

    (continuação)
    Noutro plano, neste momento creio que temos quase um onze sem falhas, com essa mistura de qualidade e raça. Falta-nos a posição "6", onde tenho a esperança que o Idrissa venha a ser a solução. Depois, temos o André Pinto para uma emergência no centro da defesa, os avançados Phellype e Montero, o Battaglia que voltará no fim da época ou na seguinte, o Geraldes que já não é propriamente um miúdo e os miúdos Miguel Luís e Jovane. A partir daí, penso que deveríamos promover o Thierry (colocar ou vender o Gaspar), manter o Lumor (ceder ou vender o Jefferson), colocar o Petrovic ou o Gudelj, emprestar o Mané (para venda futura) e dispensar o Castaignos, aproveitando os miúdos dos sub23 numa eventual temporária lacuna. Esse é o único caminho possível a nível da sustentabilidade. E já tivemos exemplos passados (repito, com Allison) que provam que também não ficamos a perder desportivamente, sem precisarmos de ter um stock de jogadores que obviamente se transforma num problema para a tesouraria, para além de que depois o excesso faz com que muitos não tenham uma oportunidade e percam valor de mercado, dando prejuízo financeiro.

    Anyway, importante agora é vencer no Sábado e continuarem a aparecer os resultados. Precisamos, e muito, que esta época corra bem. Teremos muito tempo para dissecar este e outros assuntos no futuro e apenas mencionei o tema porque os jornais dão como certa a contratação deste Borja.

    Saudações Leoninas
  • Sem imagem de perfil

    Luís Ferreira 25.01.2019

    Há coisas que não concordo, mas no geral é comentário que devia ser post.
    Tanto que o início do parágrafo final "Anyway, importante agora é vencer no Sábado e continuarem a aparecer os resultados" parece não fazer sentido, porque importante, importante mesmo são as ideias que estão escritas acima que a levar à letra por quem de direito nos fariam certamente estar mais perto de ganhar mais vezes.

    Também não entendo porque nenhum treinadores apostou em Lumor (e JJ até terá sido quem o usou mais vezes) nem o empréstimo com opção de compra.
    Borja, vamos ver, benefício da dúvida. Matheus Nunes, e por 0.5 milhões de euros, parece um desperdício ou um capricho caro, mas também não conheço o jogador.
    Acuña, não queria que saísse. Mas 20 milhões de euros é dinheiro que talvez não possamos recusar nesta altura. E certamente com o ordenado que lhe oferecem na Rússia o jogador estará a fazer pressão para sair.


  • Sem imagem de perfil

    JHC 25.01.2019

    Subscrevo o que o caro Luís Ferreira escreve. Não sei o que é melhor, se o texto principal ou o seu comentário, caro Pedro Azevedo.
    Tivemos a oportunidade de comentar Lumor em outras ocasiões e a verdade é que agora vemos o jogador partir para a Turquia (com opção de compra cujo valor desconhecemos mas que será provavelmente accionada) sem ter a oportunidade de mostrar o seu real valor.
    Depois da aventura na Alemanha Lumor pegou de estaca no Portimonense. Força, velocidade, poder de choque e centros bem medidos. No entanto chegado ao Sporting foi totalmente desvalorizado por Jorge Jesus, talvez por não ter sido escolha do treinador.
    A comparação que faz entre Lumor e Borja é excelente e já está "guardadinha" no meu arquivo para memória futura.
    Todos esperamos que Borja seja bem sucedido, mas quando reconhecemos todos as dificuldades desportivas e financeiras por que o Sporting passa actualmente, pergunto qual a razão para trocarmos o certo pelo duvidoso e correr estes riscos.
    Em relação aos nossos jovens, Miguel Luís e Jovane, não encontro explicação para as suas ausências da equipa. É realmente muuuuuuito estranho...

    Saudações Leoninas
  • Imagem de perfil

    Pedro Azevedo 25.01.2019

    Obrigado pelas suas palavras e pelo comentário. Vamos ter de esperar, sim, mas não me parece haver sinais de inflexão na política de contratações . Tenho alguma dificuldade em perceber como se vai buscar um jogador de 26 anos , sem provas dadas na Europa. Faz mais sentido a compra de Matheus, se se provar que é melhor que os nossos miúdos da Academia. Não sei o que se está a passar, mas desde o episódio Tiago Djalo os nossos miúdos desapareceram da equipa principal e os sub23 nunca mais foram chamados. Começa a haver muita coisa que não se compreende e , embora se perceba que há dossiers que obrigam a algum sigilo , temo que os sócios se comecem a interrogar. Oxalá os motivos sejam todos bons e que possamos ver um Sporting mais forte e coeso do que até aqui.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Mais sobre mim

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mensagens

    Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2021
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2020
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2019
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2018
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D

    Castigo Máximo

    De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

    Siga-nos no Facebook

    Castigo Máximo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Caro Pedro,Talvez por mero acaso estou-me a lembra...

    • Pedro Azevedo

      Fantasma na ópera e eSCALAr para a Europa. Faz sen...

    • Pedro Azevedo

      Entretanto, o Famalicão deu-nos uma mãozinha…

    • João Gil

      O Sporting não vai chegar tarde à Europa. O Benfic...

    • JG

      Caro Pedro sem dúvida esses troféus são importante...