Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

05
Mar21

Longo caminho pela frente


Pedro Azevedo

O caminho aritmético para o título não se alterou grandemente com o empate no Dragão. Para ter a certeza de que será campeão o Sporting continua a precisar de fazer 86 pontos, 85 se não perder em Braga por mais de 2 golos. Ora, admitindo que o nosso adversário mais directo não perderá mais pontos até ao final da temporada, 86 pontos corresponderão a 10 vitórias e 1 empate ou 9 vitórias e 4 empates nos 13 jogos que faltam cumprir até ao fim. (Se um dos empates for com o Braga, então 85 pontos serão definitivamente suficientes.)

 

Por aqui se perceberá que muito ainda há a fazer. Na época passada, o Benfica terminou a primeira volta com 48 pontos correspondentes a 16 vitórias e 1 derrota, mais 3 pontos que o Sporting de 2020/21. Simplesmente, na segunda volta apenas realizou 29 pontos, perfazendo assim um total de 77 pontos, valor insuficiente para se sagrar campeão. Outro exemplo, e este mais relacionado com a nossa história, é o Sporting de 76/77. A equipa, treinada à época por Jimmy Hagan, arrancou fulgurantemente o campeonato nacional com uma vitória por 3-0 sobre o Benfica, triunfo que aliás replicou em eliminatória da Taça de Portugal (um hat-trick de Manoel em estreia absoluta). Dando sequência ao bom início, os leões chegaram a ter 6 ou 7 pontos de avanço sobre o Benfica (a vitória só valia 2 pontos), mas durante a segunda volta foram progressivamente perdendo essa vantagem e acabaram num segundo lugar final a 9 pontos da liderança das águias.

 

Ao contrário daquilo que se possa pensar, estes súbitos desfalecimentos de equipas que lideram o campeonato durante muito tempo não são assim tão incomuns. O exemplo do Liverpool nesta época desportiva é aliás disso paradigmático. Lesões, castigos, euforia mal controlada, densidade competitiva, pressão, abaixamentos de forma são razões que se podem habitualmente associar a estas situações. Evidentemente, umas poder-se-ão aplicar melhor ou pior à realidade que o Sporting ainda terá pela frente, mas o certo é que há ainda um longo caminho que precisa de ir sendo percorrido semana a semana para que possamos garantir o título. Voltemos então à matemática para compreendermos o que está em causa: com 9 pontos de avanço e 39 por disputar, apenas 23% do caminho está cumprido. Ou seja, embora só faltem 13 de 34 jornadas para acabar o campeonato e isso dê a ilusão de que o fim está perto,  há mais de 3/4 (77%, mais concretamente) do caminho do título ainda por percorrer. Vamos por isso jogo a jogo, procurando assim a cada jornada estender as nossas probabilidades. No fim, ou quando e se for matematicamente impossível alcançarem-nos, então sim, far-se-ão as contas totais. Para já, foco no Santa Clara.

2 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Azevedo 05.03.2021

    Pois, fui confirmar agora, soube em primeira mão por si. Deverá jogar o João Pereira, sim. Foi para isso que veio, para poder substituir Porro quando este não estivesse disponível. O Matheus foi testado aí, na segunda parte do jogo com o Sacavenense, mas não é à melhor posição para si e o Plata nunca convenceu e está na B. Jogue quem jogar, vai ter de ser para ganhar.

    Obrigado pela informação, caro JG.

    SL
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Mais sobre mim

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mensagens

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D

    Castigo Máximo

    De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

    Siga-nos no Facebook

    Castigo Máximo

    Comentários recentes

    • Lagartoviso

      Créditos para o Afonso Domingues Amorim, ehehehLuí...

    • Pedro Azevedo

      Caro FV, antes de mais o meu obrigado pelas suas a...

    • Anónimo

      Boa tarde Pedro,Finalmente CAMPEÕES!Muito merecido...

    • Pedro Azevedo

      Caro Luís, também deduzo que o Porro não volte a j...

    • Pedro Azevedo

      Finalmente! O Sporting é campeão 19 anos depois e ...