Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

02
Abr19

Quiz22 - Barba e cabelo


Pedro Azevedo

No Sporting, ao longo dos anos, passaram muitos jogadores e treinadores. Indique o nome daqueles que conseguiram a proeza de serem simultaneamente campeões nacionais como jogadores e treinadores principais no clube do leão rampante (inclui Campeonatos de Portugal). 

 

Resposta: Francisco Stromp, Álvaro Cardoso, Juca, Mário Lino, Fernando Mendes e Inácio. Stromp foi jogador/treinador em 22/23, Cardoso ganhou 4 campeonatos como jogador e 3 como Orientador Técnico, Juca foi 5 vezes campeão como jogador (51,52,53,54,58) e uma como treinador (62), Lino venceu como jogador os campeonatos de 62 e 66 e como treinador a de 74, Mendes foi duas vezes campeão como jogador (58 e 62) e uma como treinador (80) e Inácio ganhou os campeonatos de 80 e 82 como jogador e o de 2000 como treinador.

 

Vencedor do Quiz: Carlos Ribeiro. Alguns Leitores andaram lá perto e Miguel Correia até indicou Filipe dos Santos. No entanto, tudo indica que os dados da Wikipédia estão errados no que respeita à época de 33/34, pelo que segui a informação constante da Wiki Sporting, que indica o húngaro Rodolf Jenny como treinador (acumulou com a função de jogador, mas decidiu não actuar no Campeonato de Portugal por, no seu entendimento, ser uma competição para portugueses).

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Azevedo 02.04.2019

    Caro RCL, o Osvaldo só treinou a equipa de 74 na final da Taça. No campeonato foi sempre adjunto, pelo que não conta.
  • Sem imagem de perfil

    RCL 02.04.2019

    Sim foi adjunto de Mário Lino
    "Pratrasmente" não me lembro. Naquele tempo, ligava pouco a treinadores e presidentes, só a jogadores.
    Por acaso sei que em 1958 o treinador era Henrique Fernandez, e o David Julius chegou ao Sporting e foi campeão.
    SL
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Mais sobre mim

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mensagens

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D

    Castigo Máximo

    De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

    Siga-nos no Facebook

    Castigo Máximo

    Comentários recentes

    • Miguel

      Assino por baixo.Cabeça fria, empenho, confiança.O...

    • Vero Leão

      Caro Pedro, o mais importante neste momento é ter ...

    • Anónimo

      Bom dia a todos.Sempre disse que a compra do Pauli...

    • Costela Sportinguista

      Na mouche meu bom amigo Pedro!Calma e Serenidade: ...

    • Anónimo

      Olá Pedro, apenas um lembrete off the record: Visi...