Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

23
Abr22

Tudo ao molho e fé em Deus

À espera de São Jorge


Pedro Azevedo

Na vida, o timing das coisas é essencial. Para ser perfeito, não convém que a acção se desenrole cedo ou tarde demais. Se uma declaração de amor a uma mulher entretanto já comprometida pode enquadrar-se num exemplo de uma acção tardia, a visita do Sporting ao Porto deve ser considerada no lote das acções prematuras. E porquê? Porque ir ao Dragão nunca poderia ter ocorrido na Quinta-feira, dia 21 de Abril, mas sim hoje, Sábado, dia 23 de Abril, uma data em que se comemora São Jorge, o cavaleiro proveniente da Capadócia que com sucesso enfrentou e venceu o Dragão. Não, não tivemos Jorge e do plantel quem mais perto havia estado dessa região da Anatólia chama-se Slimani (Istambul/Fenerbahçe), que nem ao banco foi, o que não foi nada "católico" por revelar um comportamento do jogador desadequado com o espírito de grupo sempre tão louvado na época passada. Não houve Slimani, mas houve o habitual Paulinho, que nem cócegas fez ao Dragão. Sobre o Paulinho já muito se falou do seu compromisso defensivo, de como recua para organizar e ligar o jogo, blá, blá, blá... Sobre ser um Matador é que nada, e por isso o Dragão esteve sempre descansado. Acresce que o Paulinho que liga o jogo colide com os terrenos que Pote na época passada tornou férteis, prejudicando a acção deste. E, de certa forma, sobrepõe-se até ao espaço antigamente usado por Matheus Nunes para cavalgar a galope. Matheus que agora recebe de lado e sobre a esquerda, e não de costas e ao centro. Só que o luso-brasileiro tinha tanta facilidade em receber de costas que com uma simulação tirava logo um ou dois adversários do caminho, derrubando assim a usual superioridade dos adversários nessa zona nevrálgica do campo. Criando logo ali um bom ponto de partida para dinamitar a linha de defesa adversária. Agora não, é outro tipo de jogador, limitando-se muitas vezes a atrair adversários, que se empilham à sua volta, para tentar libertar alguém. Não é a mesma coisa, e o Sporting ressente-se disso. Como se ressente de não haver quem explore a profundidade como o TT e o Sporar faziam. Não teria sido melhor termos contratado alguém com essas características, de preferência com bastante mais técnica do que esses dois? Bom, o Slimani até acelera nas rectas e melhorou a sua técnica e tudo, mas esta coisa de o Paulinho ter lugar cativo deve ter-lhe rebentado com os fusíveis. E sem sinapses, fez asneira. Curioso porém é verificar que a única vez em que foi titular sem Paulinho até bisou, aliás os únicos golos leoninos nessa partida. Enfim, a crónica já vai longa, mas só para terminar gostaria de expressar o desejo de que no futuro próximo não cheguemos tarde. À Europa. Pode ser? 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Azevedo 23.04.2022

    Viva, caro JG. A hora é de tocar a reunir a fim de se conseguirem os objectivos mínimos e uma entrada tranquila e de cabeça limpa na próxima temporada. De qualquer modo, Supertaça e Taça da Liga ficaram em Alvalade, já houve anos bem piores. E estivemos na luta quase até ao fim. Acabando por finalmente cair. Razões? Umas vezes por culpa própria (Açores e Madeira), outras por culpa alheia (Braga e Porto), a nossa tarefa ficou muito difícil no campeonato. Já se sabe que quando não fazemos tudo o que depende de nós o resultado não pode ser outro. Não temos, nem nunca tivemos, andores, pelo que…

    Um abraço para si

    SL
  • Sem imagem de perfil

    JG 23.04.2022

    Caro Pedro sem dúvida esses troféus são importantes. Muito importantes. Mas a presença na Liga dos Campeões é fundamental pelas consequências finaceiro que isso determina.
    SL
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Mais sobre mim

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mensagens

    Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2021
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2020
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2019
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2018
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D

    Castigo Máximo

    De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

    Siga-nos no Facebook

    Castigo Máximo

    Comentários recentes

    • Pedro Azevedo

      Pois eu estreei-me ao vivo com um 5-1 ao Porto de ...

    • jpt

      Bela memória (os 7-0 ao Olhanense foram o primeiro...

    • Pedro Azevedo

      Todos eles infelizmente já falecidos, caro João Gi...

    • João Gil

      Eterno, inesquecível. De memória só, pelos golos m...

    • Anónimo

      Eterno, inesquecível. De memória só, pelos golos m...