Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Castigo Máximo

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

Castigo Máximo

06
Dez19

Zorro


Pedro Azevedo

Dizem o Record e O Jogo que no radar do Sporting está De la Vega, ala direito de 18 anos dos argentinos do Lanús. Entretanto, A Bola e O Jogo dão conta de que Palhinha poderá estar na porta de saída, alegadamente decorrendo negociações com o Bétis de Sevilha pelo jogador actualmente emprestado ao Braga. Tendo em conta as últimas movimentações de mercado em Alvalade não surpreendem muito estas notícias. Investir na Formação (dos outros) e formar (para os outros) parece ser a prioridade. No fim do dia, se pensarmos bem, é tudo uma questão de semântica...

 

Viva o De la Vega, viva o Zorro!! (E parabéns à nova "secção de Esgrima".)

A (nossa) Formação a respirar por um(a) Palhinha...

A aposta na Formação não passa de uma percepção da realidade, ela própria alegoricamente mascarada como o Zorro...

zorro2.jpg

4 comentários

  • Imagem de perfil

    Pedro Azevedo 06.12.2019

    Estou em reflexão sobre a questão da destituição. Sendo algo que à partida não me agrada, perante o quadro actual preferiria uma clarificação determinada por Varandas, o qual tem a chave da solução na mão. Não sendo isso possível, e não se vislumbrando infelizmente a alteração deste status-quo (os sinais de autismo face ao que se passa são por demais evidentes na liderança do futebol), haverá que pensar noutras soluções.
  • Sem imagem de perfil

    JG 06.12.2019

    Se esperarmos que o bom senso tome conta de Varandas e da sua entourage lamento dizê -lo mas estaremos à espera de Godot.
    Vamos ter que agir colectivamente porque senão o Sporting tal como o conhecemos desde a nossa infância irá acabar. Isso seria a última coisa que cada um de nós desejaria.
  • Sem imagem de perfil

    Metralha 07.12.2019

    O Sporting não irá acabar, simplesmente irá demorar mais algum tempo a recuperar.
    As direções têm de ser coerentes com os seus programas.
    Esta definitivamente saiu da linha principal ( link do post anterior)
    https://youtu.be/KAe1R2acozU

    A destituição já não é uma originalidade do clube.
    Creio que é muito mais fácil fazer melhor.
    É só olhar para a época de Leonardo Jardim.
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Mais sobre mim

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Mensagens

    Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2020
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2019
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2018
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D

    Castigo Máximo

    De forma colocada, de paradinha, ou até mesmo à Panenka ou Cruijff, marcaremos aqui a actualidade leonina. Analiticamente ou com recurso ao humor, dentro ou fora da caixa, seremos SPORTING sempre.

    Siga-nos no Facebook

    Castigo Máximo

    Comentários recentes

    • Pedro Azevedo

      Um ano extraordinário. À Sporting. A repetir, clar...

    • José da Xã

      Amigo Pedro,este foi um ano irrepreensível. A repe...

    • Pedro Azevedo

      Boa noite, caro S. Almeida e obrigado. Eu ainda te...

    • S. Almeida

      Caro Pedro AzevedoUm bom regresso às lides, com as...

    • Pedro Azevedo

      Como dizia o Nelson Rodrigues a propósito do Brasi...